Sinais…

Não sei vocês… Mas eu tenho uma dificuldade imensa de me ver como uma pessoa adulta/responsavél/com mais de 30… Sempre que me imagino, vejo a Flavia de (no mínimo) uma década atrás.

Claro que ter um filho te ajuda a se situar no tempo, ser mais responsável e coisa e tal.

Mas a grande prova que a maturidade finalmente bateu na minha porta aconteceu essa semana, quando ganhei um eletrodoméstico de presente…

e achei sinceramente que não poderia existir presente mais fantástico!!!

é… quem me viu, quem me vê…

Este post é patrocinado pelo Super Papa, leitor oficial de todos os manuais de instrução e autor do presente que me permite escrever esse post, enquanto o robô aspirador limpa a casa na hora previamente programada.

28 Comments

  1. Eu tb quero um desses!! Sinal dos tempos mesmo!!! Bisous : )

  2. Jura! Que maravilha! Também quero um….
    E os tempos mudaram! Ainda bem! rs Vamos a praticidade no lar.

  3. robô aspirador????
    coisa linda!
    viva as mulheres de trinta e a imensa possibilidades de presentes bacanas que elas carregam consigo!

    bjocas fla!
    e ó, falar de verão em barcelna enquanto aqui eu amargo 3 graus… magoou…
    kkkk

  4. Super te entendo e as vezes tenho até dificuldade (há, sinal de velhice) de lembrar qual a minha idade atual, porque sempre me parece menos, hahahaha!

    Também ano desejando uma máquina para fazer pão! aiai

    Beijos,
    Nine

  5. que tudo, Flá! E funciona mesmo?
    Meu Deus, o futuro chegou e ninguém me avisou. Os Jetsons e tal. E eu aqui, não tenho nem secadora… mas moro no deserto.
    Preciiiiso deste aspirador (se ele funcionar bem e não quebrar a longo prazo).
    Beijos

  6. Preciso de um desses! Que lave, passe e cozinhe também!!!
    Beijossssss

  7. Meu deus do ceu! Esse negocio funciona mesmo??? Eu quero!!!! :)

  8. Uau! Jura? Outro dia, tive um sinal desses! A minha mãe me deu um aspiradorzinho portátil, daqueles de limpar migalha de comida dos filhos na mesa e nos tapetes. Foi o melhor presente dos últimos tempos, hahaha!
    Bjos,
    Camila
    http://www.mamaetaocupada.com.br

  9. hehehe ainda não ganhei nenhum mas ia amar ganhar uma kitchen hehehhe

    beijos e acredito que todas as nossas fases são maravilhosas

  10. comaseem? robô aspirador!
    também quero!

  11. Genial: o presente, o post e o jeito que a vida arranjou de te dar uma dica que Flávia, minha filha, você cresceu.
    Bjo
    Pri

  12. Eu também não me acho muito adulta não, ainda não sou mãe, então sou praticamente uma adolescente! rsrs mas juro que esse robozinho aspirador é meu sonho de consumo há tempos, pra tirar os pelos caninos da casa. mas eu achava que isso era um sinal de imaturidade! hahahaha

    adorei! ele funciona mesmo?
    eu querooo!

    beijo

  13. Flá, eu acho que a gente nunca vai se situar no tempo, a prova disso é que a gente vai pra cima e pra baixo fazer coisas e mais coisas e sempre acha que vai conseguir e ás vezes bate de frente com uma limitação ás vezes do próprio corpo ou da mente de que não dá pra fazer aquilo… Acho que o tempo passa mas a gente se sente sempre mais jovem do que realmente é… filho faz a gente ficar madura sim, também me sinto assim, mas me sinto tão menina em outros momentos… bom querida, robô aspirador que must eim? o David ia adorar..rs rs rs rs rs
    bom proveito! uma beijoca grande! Fê

  14. ahhhhh eu também quero. que ótimo. muito muito muiiito bom!
    eu tb tenho certa dificuldade pra me enxergar com a idade que me pertence… ihhh…
    mas vira e mexe marido diz que tô mudada… rs

    beijo!

  15. Fláviaaaa!
    Quero!!
    Quero muito!!!

    -Também não me vejo como uma quase balzaca…

  16. Nem me fala… Meu sonho que está para se realizar é ter uma área de serviço com máquina de lavar e secar. Há uma década atrás era fazer um mochilão pela Europa. rsrsrs :-)

  17. Ô maravilha!!! Tb adoraria ganhar um, aí não teria tanto pelo de gato pela casa. hahaha
    Beijos

  18. kkkkkkkkkkkkkkk quero um urgentermente!!!!

  19. Kkkkkkkkk
    Tá pra chegar o dia em que eu vou gostar de ganhar um eletrodoméstico, mesmo que seja um robô ultra super mega util como esse aí.
    Acho que devo estar andando ao contrário no tempo…
    Mas que é uma ótima invençao, ah é.
    (e só pra constar: odiaria ganhar, mas compraria um fácil facil ;)
    Bjos

  20. Nooossaaaa, pode mandar um desses pra mim dJÁ!!!
    kkk
    bjs

  21. Liz

    Pessoal, vamos nos manisfestar. Uma blogueira muito cabeça aberta, hétero, com filhos, escreveu um post sobre casamento gay e educação dos filhos. Lá nos cometários, um monte de anônimos acabaram com um casal lésbico que se manifestou. O título do post é “Casa Sim, Ciça”.k abaixo e vamos colocar nossa opinião sobre casamento gay:
    Vão lá no link
    http://fotocecilia.blogspot.com/

  22. Tenho a mesma dificuldade, e fiquei com inveja do seu presente, robô aspirador é o ó!!! bjs

  23. Jussara

    Me senti no filme “De Volta para o Futuro” quando li “robô aspirador”. Demorou um pouco pra cair minha ficha. Que máximo!

    Sabe que tb não me sinto com a idade que tenho? Vira e mexe fico me sentindo com 20 anos, sei lá (e olha que sempre me achei super responsável E velha, então não é nem essa a questão). Dizem que as pessoas de 30 são as novas de 20, né? Vai ver é isso. rs
    Bjs.

  24. Oi Flavia,
    eu também não tenho muita consciência da minha idade não. Também me vejo com uma década a menos.
    E esse sinal da maturidade não bateu ainda. AInda não ganhei um eletrodoméstico desses.

    beijos
    Chris
    http://inventandocomamamae.blogspot.com/

  25. Bom saber que não sou só eu!!! Juro que muitas vezes me pego pensando: nossa, essa casa é minha mesmo? Essas filhas EU que tenho que educar e por juízo? Hahahahaha!!
    É mente de 18 em corpinho de mais de 30 :-)

    E esta máquina funciona de verdade? Amei!

    Beijo,
    Karen
    http://multiplicado-por-dois.blogspot.com/

  26. Que demais!!! Eu queria um robozinho desses por aqui também!!

  27. Flávia!!!
    Eu falo de mim como “menina”… Kkkk
    Caso de terapia já…
    Mas sabe que, justamente hoje, eu me olhei no espelho e achei que – ENFIM – perdi a cara de criança que tinha.
    Pois é, apesar dos quase trinta, sempre me acham uma adolescente por aí… Verdade! É que a altura não ajuda muito, nem a magrelice, nem a cara de 15 anos… Aff!
    Um abraço! Bia.

  28. WOW!!AMEI!
    MAs aqui em casa,só daqui uns cinco anos,tenho um molequinho que vai querer andar em cima dele…ahahahah

Leave a Comment