O que é aquilo?

Ontem, quando estava preparando o capítulo 2 do post sobre “o processo de crescimento” dos pequenos (=birras), recebi esse vídeo: é um curta íncrivel do diretor grego Constantin Pilavios, é de 2007, e talvez muitos de vocês já o conhecem…
Mas, gostei tanto que resolvi posta-lo, tem a ver com a “tal” paciencia e é uma reflexão sobre a comunicação entre pais e filhos

Enjoy!

16 Comments

  1. Tão simples, tão complexo.
    Que eu tenha sabedoria, paciência e serenidade para cuidar bem dos que cuidaram de mim e dos que eu trouxer ao mundo para por mim serem cuidados.

  2. Lindo e verdadeiro, lacrimejei vendo isso.

  3. caramba, Fla, estou com os olhos cheios de lágrimas aqui no trabalho. Lindo de morrer!
    Vou twittar…

  4. Flavinha, ´
    fantástico!

  5. Nossa, Fla…fiquei até sem palavras aqui! Que coisa mais linda e mais verdadeira, não?
    Amei!

  6. que lindo!
    paguei mico no trabalho tb!!

    beijos!

  7. Maravilhoso Flávia, obrigada por dividir este video com a gente!
    bjs

  8. Emocionante…sem palavras.
    Quem dera a gente sempre conseguir lembrar de coisas tão simples, na hora da explosão…

  9. Já tinha visto Flá. Agora vi de novo e chorei de novo. É bem isso aí mesmo! Beijo! Dani
    PS: segredo…se não der certo o casamento com o André, fala para o João que a Nina também acha ele um gato!

  10. Flávia, lindo demais!!! Eu não conhecia e me emocionei muito.
    Tem um outro vídeo que rodou a internet tempos atrás e tem tudo a ver com sua pesquisa http://www.youtube.com/watch?v=yrOVlxutWxI
    Bjinhos e um lindo fim de semana.

  11. Flavia, adorei o vídeo.

    Adorei também seu recadinho lá no blog. Obrigada pelo carinho (mas carinho não se agradece, né? se retribui…).

    beijos pra você e pro Astronauta.

  12. Oi!
    Esse video e maravilhoso. Eu ja tinha visto e chorado com ele.
    Ja tinha lido seu blog antes, mas ainda nao tinha feito nenhum
    comentario.
    Mas hj nao podia deixar de comentar sobre esse video lindo.
    Bj
    http://motherlovedatabase.blogspot.com/

  13. Me emocionei…Realmente, tao simples e tao profundo…

    Abraços!

  14. Lindo, emocionante, verdadeiro.
    Mis uma com os olhos cheios de lágrimas.

    Bjos

  15. Flavia, não o conhecia. Me emocionou muito. Meu pai tem problemas de memória e vive fazendo as mesmas perguntas, sem parar. É uma aprendizagem constante de paciência e carinho. Bj

Leave a Comment